Instalando o Ruby no Ubuntu Precise


Leia em 1 minuto

Agora que estou trabalhando em tempo integral no Ubuntu, ficar compilando o Ruby parece-me um trabalho desnecessário. E encontrar algum repositório Debian que mantenha sempre a última versão estável do Ruby não é tarefa das mais fáceis.

Tentando resolver este problema, decidi criar meu próprio repositório Debian com a última versão estável do Ruby (que neste momento é a versão 1.9.3-p194). A ideia é ter um repositório sempre à mão, tanto para o ambiente de desenvolvimento, quanto para a produção.

O pacote que está disponível é para as versões 32-bit e 64-bit do Ubuntu Precise, mas se você está rodando qualquer distro baseada no Debian, poderá instalar também.

Adicionando o repositório

Primeiro vamos adicionar a chave GPG.

$ wget -q -O - http://apt.hellobits.com/hellobits.key | sudo apt-key add -

Agora podemos adicionar o repositório.

$ echo 'deb http://apt.hellobits.com/ precise main' | sudo tee /etc/apt/sources.list.d/hellobits.list

Finalmente você pode atualizar a lista de pacotes e instalar o Ruby.

$ sudo apt-get update
$ sudo apt-get install ruby-ichi

Pronto! Não deixe de verificar se sua instalação está correta e atualizar o Rubygems (coisa que o pacote oficial do Ruby não permite fazer).

$ ruby -v
ruby 1.9.3p194 (2012-04-20 revision 35410) [x86_64-linux]

$ sudo gem update --system
Updating rubygems-update
Fetching: rubygems-update-1.8.24.gem (100%)
Successfully installed rubygems-update-1.8.24
Installing RubyGems 1.8.24
RubyGems 1.8.24 installed

== 1.8.24 / 2012-04-27

* 1 bug fix:

  * Install the .pem files properly. Fixes #320
  * Remove OpenSSL dependency from the http code path

RubyGems installed the following executables:
    /usr/bin/gem

RubyGems system software updated

Como você está instalando um pacote .deb, precisará instalar as gems como um usuário sudoer. Se não quiser fazer isso, defina as variáveis de ambiente GEM_HOME e GEM_PATH. Adicione o código abaixo ao seu arquivo $HOME/.bash_profile ou, se quiser aplicar estas configurações globalmente, ao arquivo /etc/profile.d/rubygems.sh.

export GEM_HOME="$HOME/.gems"
export GEM_PATH="$GEM_HOME"

Finalizando

Muito mais simples que ficar compilando o Ruby, configurando o RVM e outras coisas que existem por aí! Obviamente, isso não irá servir para você se você precisa de outras/múltiplas versões do Ruby em sua máquina.

Pretendo manter o repositório sempre atualizado, mas isso não é uma promessa!

UPDATE 1: Adicionei o pacote na arquitetura 32-bit.
UPDATE 2: Agora que o Ruby 2.0.0 foi lançado, o pacote foi renomeado para ruby-ichi.